Prepare-se para aumentar suas vendas no Natal

Prepare-se para aumentar suas vendas no Natal

O mercado está otimista com as vendas para o Natal. Lojas e vendedores ansiosos aguardando, shoppings centers já estão com os enfeites montados para atrair clientes. Os consumidores ainda tímidos aguardando receber o décimo terceiro ou alguns, a Black Friday.

O que fazer ou o que não fazer?

Já preparar a loja para o Natal ou aguardar passar a Black Friday?

Independente da decisão é importante ter um planejamento de marketing e vendas definido e com a equipe motivada e preparada. É uma época onde muitas redes e até pequenos comércios investem em treinamentos de vendas para motivar a equipe e os vendedores temporários – o risco de não ter um time preparado é grande, o resultado pode ser abaixo do esperado.

Separamos algumas dicas para você vender mais neste final de ano:

1. Reveja os custos
O momento de crise exige que os empreendedores pensem em eficiência. O primeiro passo para que as vendas do Natal sejam vantajosas é rever os custos e a negociação com os fornecedores. Aproveite esse momento para pensar em produtividade e repensar a forma como as coisas são feitas. Quando vem crise, a gente sempre acaba descobrindo que tem gordura e dá para cortar!

2. Entre no clima
A decoração ainda é muito importante para conquistar os consumidores. É importante investir no ponto de venda e na animação da equipe para trazer mais gente para o ponto de venda e aumentar suas chance de conversão. Nas lojas virtuais, a regra também se aplica. Não adianta vender online e seu site não ter informação, ser poluído. Tem que ser organizado, com as informações corretas para facilitar a decisão do consumidor.

3. Treine a equipe
Mesmo que sua loja não contrate funcionários temporários, é importante treinar a equipe antes das vendas. Explique a situação do país e que tipo de consumidor os vendedores podem esperar. Isso é imprescindível para poder vender melhor. As pessoas não sabem o que vão comprar, por isso, ter uma equipe capaz de dar dicas é super importante.

4. Foco na conversão
O foco na conversão pode ser a chave para vender mais. Dado que vai entrar menos gente na loja, o lojista precisa ter certeza que vai converter todas que entrarem. Isso se faz não só com produto e preço, mas com atendimento. Uma dica é criar um ambiente e aconchegante, que não lembre o cliente das más notícias em relação ao país, como se a loja fosse um lugar para descomprimir desse contexto.

Outra dica para converter a venda é conhecer as necessidades do cliente e o estoque. É importante o vendedor tentar interagir com ele para entender o que ele gosta e indicar a coisa certa. Quanto mais informação, mais o cliente vai querer comprar.

5. Pense em produto, preço e prazo
Ter um sortimento de estoque bem planejado é indispensável. Não compre itens que demoram para sair ou que possam ficar velhos depois do Natal. Pense no Natal do ano passado para compor o estoque. Uma sugestão é organizar a loja em faixas de preço ou tipos de presentes. Faça sugestões de compras, separando por gênero e valor. É uma boa estratégia para converter os clientes que buscam presentes de amigo secreto. Com dinheiro mais curto, vale ter um sortimento com preços mais acessíveis e condições de financiamento.

Aproveite estas dicas, experimente e pratique! Boas vendas!

Fonte: Revista Pequenas Empresas Grandes Negócios