fbpx

Turnover e seu Prejuízo – Saiba como evitar

Construir e manter uma boa equipe de colaboradores, alinhada com os valores da empresa, requer muita atenção. Quando se tem alta rotatividade de pessoal, são acarretados diversos prejuízos, como perda de bons funcionários e aumento de custos com novas contratações. Chega a hora de analisar os possíveis motivos do nível de turnover da empresa. Neste post vamos explicar o que o termo significa e seus tópicos mais importantes.

O que é “turnover”

O termo é comum no setor de RH e significa a alta taxa de rotatividade (admissão e demissão) de funcionários em uma organização. Calcular o turnover da empresa, ajuda a entender as motivações e elaborar estratégias de melhoria de processos.

Principais tipos de desligamento de funcionários:

Voluntário

Resumidamente, é quando o desligamento parte do empregado. Podendo ser causado pela política da empresa, ligados a más condições de trabalho, recompensa imprópria, falta de perspectiva, insatisfação ou problemas pessoais.

Involuntários

Quando a iniciativa de exoneração é por parte da empresa. Por causa de razões pessoais específicas, como, por exemplo, violação de regras, absenteísmo, competência, incapacidade no período de experiência, desonestidade e insubordinação.

Inevitável

Causado por motivos externos à organização, como, por exemplo, doenças, falecimento ou problemas familiares.

Prejuízos com o alto índice de turnover

• Custos com rescisões;

• Custo com recrutamento e novas contratações;

• Perda de grandes talentos;

• Treinamentos de novos colaboradores com muita frequência;

• Clima organizacional;

• Atraso nos prazos e metas da organização;

• Baixa da produtividade da empresa.

Como analisar o turnover na empresa

Para saber o índice de turnover na organização, o cálculo deve utilizar um período como base, por exemplo, mês, trimestre, semestre, bimestre e ano. Divide-se o número de funcionários desligados da organização, no período selecionado, pelo número total de contratados da empresa.

Exemplo: 15/120= 12,5%

Pode ser calculado também apenas os tipos de desligamento para saber se o problema está na forma de recrutamento ou, nos casos de contratados mais antigos, na forma de desenvolvimento de pessoal.

Como prevenir o turnover na organização

Os cálculos são muito importantes para a definição de estratégia para melhorar o índice, pois serão trabalhados os pontos chave.

Algumas das soluções viáveis para diminuição dessa rotatividade da equipe são:

• Tentar melhorar ao máximo a forma de recrutamento da empresa;

• Conhecer o perfil dos colaboradores;

• Elaborar plano de carreira para os funcionários;

• Valorize os talentos da casa;

• Ofereça capacitação aos seus funcionários;

• Faça comparação de salários no mercado;

• Tenha líderes motivadores;

• Analise constantemente o clima organizacional da empresa;

• Política constante de feedbacks e melhoria de comunicação;

• Desburocratize tarefas;

• Avalie a satisfação dos funcionários com a empresa;

• Mantenha melhoria constante do clima organizacional e

• Dê reconhecimento aos bons funcionários.

 

O The Muse citou em um artigo, um estudo feito pela Bersin and Associates que demonstrou que organizações que reconhecem amplamente os funcionários, têm uma taxa de turnover 31% menor. Um grande passo para reconhecer e melhorar a taxa de turnover é contratar pessoas especializadas em desenvolver seus colaboradores e avaliar o desempenho da sua organização como empregadora.

Saiba tudo sobre

Jornada de trabalho: https://www.acsbrasil.com/noticia/jornada-de-trabalho-apos-a-reforma-trabalhista/

Férias Coletivas: https://www.acsbrasil.com/noticia/ferias-coletivas/

Licença-maternidade: https://www.acsbrasil.com/noticia/licenca-maternidade-tudo-o-que-voce-precisa-saber/

Se tiver alguma dúvida, entre em contato com nossa equipe:
85 3484-7688
pessoal@acsbrasil.com

Fonte: ACSBRASIL